A nova sommelier do Casa Hotéis e os vinhos da Serra Gaúcha que ela indica de olhos fechados

Cada época do ano na Serra Gaúcha tem o seu charme. Chegou aquela que enaltece os vinhos, especialmente os tintos! E nossa coleção de hotéis tem dado destaque para os vinhos brasileiros, especialmente os produzidos aqui no Rio Grande do Sul, que vêm apresentando excelente qualidade e conquistando prêmios mundo afora. Por isso, estamos muito felizes em anunciar a sommelier gaúcha Patricia Binz como a nova integrante da nossa equipe, responsável pelas cartas de vinhos dos nossos restaurantes e bares - La Caceria, Bistrô da Varanda, El Perro, Alma RS e Wood Lounge -, das harmonizações e das experiências em torno desta bebida.




Apaixonada pelo mundo dos vinhos e da gastronomia, Patrícia é formada em Nutrição pela Universidade de Caxias do Sul, atua na área de consultoria no ramo alimentício há mais de 10 anos e, há quatro dá aulas em cursos de gastronomia e vinhos. É food hunter da plataforma “Destemperados”, e wine hunter para restaurantes e eventos. Ela possui ainda especialização em Gestão de Marcas e o título de mestre em Turismo e Hospitalidade, também pela Universidade de Caxias do Sul. Na área de vinhos especificamente, é nível 3 Wine & Spirits Education Trust e Sommelier pela Associação Brasileira de Sommelier (ABS-RS).


Profissional com conhecimento para oferecer os melhores rótulos aos nossos hóspedes e visitantes, inclusive joias de vinícolas ainda pouco conhecidas, pedimos para a Patricia fazer uma seleção de cinco tintos imperdíveis da Serra Gaúcha, para aquecer e harmonizar com os bons momentos que você passa aqui conosco. Anote e peça em nossos restaurantes na sua próxima viagem:




1. Pinot noir Gurí Família Bebber


Um vinho varietal da delicada pinot noir, uvas vindas da Serra do Sudeste para serem enaltecidas pelo trabalho do enólogo Felipe Bebber, em Flores da Cunha-RS. O resultado mostra um vinho de cor vermelho rubi claro, com taninos elegantes, e com aromas de frutas vermelhas maduras e alguns aromas secundários e terciários, como especiarias e cogumelos. Este vinho passa por 6 meses em barricas de carvalho francês e americano, e tem tudo para agradar os paladares que apreciam um vinho mais leve e harmônico.








2. Pizzato Merlot de Merlots D.O.V.V. Reserva


Um vinho que representa o terroir do Vale dos Vinhedos, tradicionalmente premiado da vinícola Pizzato. Um vinho que, ao degustar, se sente a maciez e a explosão do misto de sabores de frutas vermelhas e chocolate amargo, que persistem em boca. Tem passagem por barricas pelo período de 11 meses e apresenta taninos macios. Sua acidez faz com que o vinho tenha vivacidade e um bom potencial de guarda.











3. Máximo Boschi Biografia Merlot


A vinícola, situada no Vale dos Vinhedos, elabora este vinho com uvas provenientes da Campanha Gaúcha, onde amadurecem de forma exemplar e proporcionam características envolventes. Além da experiência enológica do produtor e qualidade das uvas, este vinho ganha com 14 meses de passagem por carvalho francês. A complexidade deste vinho é observada ao sentir os diversos aromas.












4. Almaúnica Quatro Castas


Um assemblage intenso da vinícola Almaúnica, de uvas provenientes da Serra Gaúcha, que já é um ícone. A mistura das quatro castas - merlot, syrah, malbec e cabernet sauvignon- resultou em um vinho encorpado, trazendo uma complexidade de aromas, além da colaboração das características da maturação por 24 meses em carvalho. Frutas vermelhas, café, couro, baunilha e menta são alguns dos aromas e sabores encontrados neste vinho que encanta.










5. Casa Valduga Gran Storia Merlot


A potência da uva merlot no Vale dos Vinhedos, esse é o Storia da Casa Valduga. A estrutura em boca deste vinho costuma agradar os paladares mais exigentes, e demonstrar o seu potencial de guarda. Além do conjunto de aromas, a intensidade e persistência deste vinho são marcantes. Estagia por 20 meses em barricas, depois de ser elaborado somente com uvas criteriosamente selecionadas. Um vinho memorável, para aquecer bem o inverno.

Na sua próxima estada ou experiência conosco, não deixe de provar esses rótulos. Se ainda ficou alguma dúvida de qual pedir, temos certeza que a Patricia Binz poderá te ajudar de olhos fechados.